Saltar para o conteúdo...

Formulário de procura

Close Search
Close Search

Aplicação móvel EduPARK com realidade aumentada vai desvendar os segredos da flora do Parque da Cidade de Aveiro

 Aplicação móvel EduPARK com realidade aumentada vai desvendar os segredos da flora do Parque da Cidade de Aveiro
Fonte: 
Universidade de Aveiro, Portugal, 2017-11-30

Os aveirenses, os turistas que cada vez mais visitam a cidade, e os estudantes de todas as idades vão ficar a conhecer melhor as espécies de plantas existentes no Parque Infante D. Pedro, assim como os pontos de interesse histórico, já partir do próximo dia 6 de dezembro, graças a uma aplicação com realidade aumentada, desenvolvida por um grupo de investigadores da Universidade de Aveiro, no âmbito do projeto EduPARK.

Envolvendo 15 investigadores da UA que integram três áreas principais: Educação, Biologia e Informática, o projeto EduPARK - Mobile Learning, Realidade Aumentada e Geocaching na Educação em Ciências - propõe estratégias originais e atrativas de aprendizagem interdisciplinar que conjugam práticas educativas com dispositivos móveis, em espaços verdes, no Parque Infante D. Pedro de Aveiro.

A aplicação EduPARK, que a partir de 6 de dezembro será disponibilizada ao público no âmbito deste projeto, permite a professores, alunos e ao público em geral, a exploração e acesso a informação sobre as espécies de plantas existentes no parque da cidade, referências históricas, conteúdos multimédia e mapa do parque, possibilitando interação com os utilizadores. Tal é complementado com guiões educativos (específicos para o ensino básico, secundário e superior e para o público em geral, este último também em inglês) com questões interdisciplinares e desafios educativos, para que os visitantes possam aprender enquanto usufruem de uma caminhada saudável pelo Parque.

Para assinalar a data da disponibilização da App, na quarta-feira, dia 6 de dezembro, às 14h45, no Auditório Mestre Hélder Castanheira (sala anexa à livraria da UA), realizar-se-á uma sessão de apresentação do projeto, e às 16h00, no Parque Infante D. Pedro, proceder-se-á à inauguração simbólica da App, colocando a descoberto o cartaz informativo sobre a utilização da aplicação que está instalada numa das entradas principais do Parque (junto às escadarias da gruta artificial com vista para a Avenida Artur Ravara).

Em seguida, numa iniciativa aberta à participação do público, está prevista a experimentação prática da App EduPARK, que pode ser feita em modo livre, com exploração dos conteúdos em Realidade Aumentada nas 32 placas identificativas espalhadas pelo Parque, e em modo de jogo, com acesso a guiões para os vários níveis de ensino que integram desafios e questões articuladas com as orientações curriculares e também para o público, com questões de cultura geral e sobre a região de Aveiro.

A sessão de inauguração da aplicação EduPARK contará com a presença do Pró-reitor Filipe Teles, em representação do Reitor da Universidade de Aveiro; do Presidente da Câmara Municipal de Aveiro, Ribau Esteves; da Coordenadora do Centro de Investigação em Didática e Tecnologia na Formação de Formadores (CIDTFF), Maria Helena Sá; do Coordenador do Instituto de Engenharia Eletrónica e Telemática de Aveiro (IEETA), Armando J. Pinho; do Diretor do Departamento de Educação e Psicologia, Jorge Adelino Costa; do Diretor do Departamento de Biologia, Amadeu Soares; e da equipa do projeto EduPARK e sua coordenadora, Lúcia Pombo.

Todas as informações sobre este projeto, financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) e pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT), no âmbito do COMPETE 2020, estão disponíveis em http://edupark.web.ua.pt/