Saltar para o conteúdo...

Formulário de procura

Close Search
Close Search

Dinamização das universidades da AULP nos desafios da organização

Fonte: 
ANGOP, Angola, 2017-07-22

A dinamização da rede universitária e a criação de mecanismos para minimizar a distância entre os países ligados a Associação de Universidades de Língua Portuguesa (AULP) constituem os principais desafios que a organização se propõe.

A informação foi prestada hoje, no Lubango, em conferência de imprensa pelo Presidente do Conselho de Administração da AULP, Orlando da Mata, nomeado ao cargo para o triénio 2017-2020, no XXVII Encontro da Associação, que decorreu de 10 a 12 de Julho na Universidade de Campinas, São Paulo (Brasil).

O responsável disse que a aposta no dinamismo das unidades orgânicas da associação vai incrementar a valorização da cultura e a mobilidade entre docentes e investigadores.

Admitiu o fraco empenho na forma como os diferentes países e instituições de ensino superior estão posicionadas naquilo que é a investigação e a produção de conhecimentos científicos, pois na AULP existem diferenças nos índices de pesquisas em função de cada país membro, por isso projectou impulsionar a produção científica entre as regiões.

Apontou igualmente como aposta a permissão de jovens investigadores, estudantes e professores para participarem em programas de mobilidade, sobretudo os que queiram fazer outras disciplinas em um dos países da AULP, podendo ter uma acreditação e produzir posteriormente resultados da formação.

Associação das Universidades de Língua Portuguesa é uma organização não-governamental, fundada em 1986, promove o intercâmbio e a cooperação entre instituições de ensino superior e universidades nos países de língua oficial portuguesa (Angola, Cabo verde, Guine Bissau, Brasil, Moçambique, Portugal, Timor-Leste, e São Tomé e Príncipe).

Tem cerca de 140 membros. A sua missão assenta na promoção e realização de acções que visam o desenvolvimento da língua portuguesa na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) e no mundo.