Saltar para o conteúdo...

Formulário de procura

Close Search
Close Search

Professor de Moçambique realiza palestras na UFPel

Fonte: 
Universidade de Eduardo Mondlane, Moçambique, 2017-03-17

Nos dias 20 e 27 de março, o professor Carlos Nhaca Zimba, da Universidade de Eduardo Mondlane, de Maputo, Moçambique, realizará duas palestras na Universidade Federal de Pelotas (UFPel). As explanações, abertas à comunidade acadêmica, têm a intenção de abordar a cultura e as práticas educativas de Moçambique, além de apresentar a pesquisa de mestrado do professor, que discute erros ortográficos cometidos por estudantes moçambicanos.

A primeira atividade, intitulada “Moçambique: cultura e práticas educativas”, será no dia 20, às 18h, no Auditório da Reitoria (Campus Anglo – quarto andar). A segunda trata de “Um estudo sobre erros ortográficos de estudantes moçambicanos”, e será apresentada no dia 27, também às 18h, mas na sala 245, na Faculdade de Educação da UFPel.

O professor executa, desde janeiro de 2017, a revisão teórica de sua tese junto ao Grupo de Estudos sobre Aquisição da Linguagem Escrita (GEALE). O estudo trata dos erros ortográficos do português cometidos por estudantes do ensino básico que têm o Makhuwa como língua materna.

As palestras são iniciativa dos grupos de pesquisa GEALE e OBEDUC-Pacto e do Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática (PPGEMat) da UFPel.

Sobre os grupos de pesquisa
O GEALE, vinculado ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), é constituído por pesquisadores que estudam a escrita inicial do ponto de vista de sua aquisição e de seu ensino. Coordenado pela professora Ana Ruth Miranda, da Faculdade de Educação (FaE) da UFPel, o GEALE já conta com mais de 16 anos de investimento em investigação na área da aquisição da escrita, contribuindo especialmente para as discussões no âmbito das relações entre fonologia e ortografia.

Em parceria direta com o GEALE, está o projeto de pesquisa OBEDUC-Pacto, intitulado “Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC) – Formação continuada de professores e melhoria dos índices de leitura e escrita no ciclo inicial de alfabetização (primeiro ao terceiro ano do Ensino Fundamental)”, desenvolvido no âmbito do Observatório da Educação/CAPES. Esse projeto tem o objetivo de acompanhar o processo de formação continuada dos professores vinculados às ações previstas pelo PNAIC, verificando o efeito dessa formação sobre os índices de leitura e escrita das crianças. É coordenado pela professora Marta Nörnberg, da Faculdade de Educação da UFPel.

Sobre o PPGEMAT
O Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática da UFPel (PPGEMAT), lotado no Instituto de Física e Matemática (IFM), objetiva a formação de docentes e pesquisadores em diversas especialidades da Educação Matemática. O Mestrado Acadêmico se caracteriza pelo desenvolvimento de estudos e pesquisas sobre os diferentes aspectos da Matemática, enfatizando os pontos de vista epistemológico, didático, social, histórico e cultural. O curso se organiza em três linhas de pesquisa: História, Currículo e Cultura; Tecnologias e Educação Matemática; Processos de Ensino e Aprendizagem em Educação Matemática. O quadro de docentes permanentes e convidados articula professores doutores de diferentes IES: UFPel (IFM e FaE), Instituto Federal Sul-Rio-Grandense (IFSul) e Universidade Federal do Espírito Santo (UFES).