Saltar para o conteúdo...

Formulário de procura

Close Search
Close Search

NOTA INFORMATIVA III - XXVI Encontro da AULP, Díli, Timor-Leste

Fonte: 
Gabinete de Comunicação da AULP, Timor Leste, 2016-07-01

A Assembleia Geral foi presidida pelo Professor Doutor Francisco Martins, anfitrião do XXVI Encontro da AULP e reitor da Universidade Nacional Timor Lorosa'e. O Professor Doutor Rui Martins, Presidente da AULP, em representação da Universidade de Macau, e Vice-reitor da Universidade de Macau, e a Professora Doutora Cristina Montalvão Sarmento, Secretária Geral da AULP, estiveram presentes na mesa que conduziu esta reunião onde foi feito um balanço das atividades associativas. O Professor Doutor Rui Martins agradeceu a calorosa receção da UNTL, em especial ao Senhor Reitor.

Ficou ainda decidido que o próximo Encontro da AULP, o XXVII, terá lugar na Universidade de Campinas (Brasil), em que o representante, Professor Doutor Flávio Ribeiro de Oliveira, aproveitou a ocasião para convidar todos os presentes a ir à próxima reunião da AULP no Brasil, mostrando entusiasmo na preparação do próximo Encontro.

Após a Assembleia Geral, teve início a sessão de encerramento do XXVI Encontro da AULP. Na mesa, S. Exa. Ministro de Estado Coordenador dos Assuntos Sociais e Ministro da Educação de Timor Leste, Dr. António da Conceição, S. Exa. Secretário dos Assuntos Sociais e Cultura do Governo da RAEM, Dr. Alexis Tam Chon Weng, Secretária-Executiva da CPLP, Dra. Georgina Melo, Reitor da Universidade de Macau, Prof. Dr. Wei Zhao, Reitor da Universidade Nacional Timor Lorosa'e, Professor Doutor Francisco Martins.

Foi referido que apesar de vários países de língua portuguesa atravessarem, a nível global, um  período socioeconómico desfavorável, houve muita aderência ao Encontro pelos membros institucionais da AULP.

Salientou-se que muitas dificuldades têm sido sentidas, o que naturalmente tem impacto em áreas como a educação e a investigação. Mas, apesar das dificuldades sentidas a vários níveis, o XXVI Encontro da AULP superou as expetativas.

Alguns dos presentes, para conseguirem estar no XXVI Encontro da AULP, fizeram quase 2 dias em viagem. A presença de todos neste encontro em que Timor-Leste foi palco, foi prova que obstáculos, como a distância física, são facilmente ultrapassáveis quando existe interesse pela partilha de conhecimento, pela melhoria da educação, em geral, e do ensino superior, em particular, e pela promoção e difusão da língua portuguesa.

Há quase 30 anos, a 26 de Novembro de 1986, o grupo de 16 dirigentes responsáveis pela criação e institucionalização da AULP, representantes de 16 instituições de ensino e investigação de nível superior, oriundos de cinco países de língua portuguesa, não poderiam prever o impacto e a força da AULP, crescente ao longo destes anos. Hoje são 142 instituições de ensino superior, não contando com as instituições parceiras ou os membros associados, 10 atualmente, constituídos por Departamentos de Estudos Portugueses, Estudos Brasileiros, de Estudos Africanos, de Estudos Latino - Americanos e de Estudos Luso - Asiáticos que, não sento total ou parcialmente de língua portuguesa, se identifiquem com os objetivos da associação e, ainda, as associações, fundações ou outras organizações que se dediquem a atividades ligadas ao Ensino Superior, Investigação e Cultura.

Na sessão de encerramento deu-se a Assinatura de um Memorando de Entendimento entre a UNTL e 29 Universidades da AULP dos vários países de língua oficial portuguesa e Macau. Uma iniciativa de promoção da cooperação lusófona, difusão da língua portuguesa e mobilidade académica.

O Professor Doutor Sebastião Feyo de Azevedo, Reitor da Universidade do Porto, anunciou nesta sessão a oferta de 3600 publicações e material desportivo à UNTL pela Universidade do Porto, tomando ainda a palavra S. Exa. Secretário de Estado da Juventude e Desporto de Timor-Leste, Dr. Leovigildo Hornay.

O Reitor da Universidade de Macau, Professor Doutor Wei Zhao, discursou em português para agradecer toda a organização do Encontro.

Por último, o anfitrião Reitor da UNTL, Professor Doutor Francisco Martins, agradeceu a presença de todos os participantes, revelando estar muito satisfeito com o resultado final deste Encontro da AULP em Timor-Leste, o primeiro em 30 anos, deixando patente que não será o último e que futuramente haverá um regresso a terras timorenses.

Terminada a sessão de encerramento, foi oferecido um almoço aos participantes e finalmente uma visita cultural à Cidade de Díli.